Universos paralelos

4 Estranhas pistas de que universos paralelos existem

|
Em 1954, Hugh Everett III, um jovem candidato ao doutorado da Universidade de Princeton, apareceu com uma ideia radical: a existência de universos paralelos, exatamente como o nosso. Esses universos estariam todos relacionados ao nosso. Na verdade, eles derivariam do nosso, que, por sua vez, seria derivado de outros. Nesses universos paralelos, nossas guerras surtiriam outros efeitos dos conhecidos por nós. Espécies já extintas no nosso universo se desenvolveriam e se adaptariam em outros e nós, humanos, poderíamos estar extintos nesses outros lugares.

No universo de "inúmeros mundos" de Everett, cada vez que uma possibilidade física é explorada, o universo divide-se. Atribuindo-se um número de possíveis resultados, cada qual é descriminado - no seu próprio universo. Um motorista que não morra por um triz, por exemplo, pode sentir-se aliviado pela sua sorte, mas num universo paralelo ele pode ter morrido. Ainda outro universo irá assistir à recuperação do motorista depois de ser tratado no hospital. O número de possíveis cenários é infinito.

Recentemente, de acordo com uma descoberta de cientistas de Oxford, obtida através de cálculos matemáticos, universos paralelos realmente EXISTEM! (Agora até me lembrei da série Fringe)
Imagine as possibilidades, o que você poderia ser/fazer em outro universo? Talvez em algum deles você esteja realizando o seu maior sonho. Seria mesmo possível viajar através de universos?
Bem, por enquanto todos os pensamentos de aventuras de dimensões e universos paralelos são relegados à ficção científica. Para a tecnologia atual não é possível.

Ou é?

Quem sabe. Mas vamos ignorar a ciência por um momento e dar uma rápida olhada em alguns dos mais estranhos "indícios" de atividade bizarra envolvendo universos paralelos.



04.

Fantasmas e atividades paranormais

 Vislumbres de outra dimensão
Aqui está uma foto de um suposto fantasma que apareceu no palácio do século 16 do rei Henrique VIII. Ele apareceu em imagens do circuito interno após os seguranças serem notificados de alguém abrir repetidamente a saída de incêndio. (E eu não estou afirmando que seja realmente um fantasma... apenas usando-o como um exemplo dessa teoria).

Além de fotografias fantasmagóricas, porém, muitos desses avistamentos poderiam ter uma explicação ainda mais exótica: mundos paralelos mesclando-se um com o outro. Um fantasma, um espectro, o semblante da assombração de um falecido — talvez esta pessoa esteja viva e bem em outro mundo, e você simplesmente pegou um vislumbre de seu universo.

Ou talvez esse "universo paralelo" em particular, seja o próprio reino dos mortos. Os mortos estariam ocupando o mesmo espaço que nós, mas em outra dimensão, e em raros momentos em que a "membrana" entre esses mundos fica mais fina... algo sobrenatural aparece! É uma teoria interessante!


03.

Déjà Vu & Alter Vu's

 Memórias de outra linha temporal
Um Déjà vu é um dos vários fenômenos estranhos da mente (incluindo Déjà vecu e Déjà visité, entre outros). Déjà vu, em particular, é a sensação estranha que você já experimentou algo antes, que um acontecimento se repete. Com Déjà vecu, você pode até achar que você sabe o que vai acontecer a seguir.

Um Alter vu, bem, é um termo que surgiu durante a saga de John Titor (um suposto viajante temporal) para descrever quando alguém se lembra de sua linha temporal diferente. Memórias conflitantes, algo que mudou no mundo em que vivem. Pense em Marty McFly no final de "De volta para o futuro"; ele se lembra do nome do shopping como Twin Pines Mall, mas devido a sua viagem no tempo, ele acabou atropelando um dos pinheiros, e na linha do tempo presente, se tornou Lone Pine Mall.
Ele se lembra de ambas as realidades.
Ambas as experiências têm explicações neurológicas e baseadas na memória, mas é possível que Déjà vus sejam "memórias" de outras versões de nós mesmos em outros universos, ou que Alter vus sejam verdadeiros indícios de nossas linhas do tempo tenham sido modificadas por um viajante temporal e nossa memória entre em conflito?


02.

Sonhos e Universos paralelos

 Um vislumbre do outro lado
Se o sono é um pequeno pedaço da morte, então o que são os sonhos?
Alguns sonhos nos lembramos, a maioria não. Embora o mecanismo para sonhar seja bem compreendido (eles tendem a ocorrer durante o sono REM), ainda não se sabe o seu verdadeiro propósito, se houver um. Um vislumbre da mente inconsciente, uma maneira para que nossos cérebros possam resolver informações?
Ou eles poderiam ser janelas para um outro mundo? Notou como alguns sonhos ocorrem em lugares em que vivemos ou em que já moramos algum dia e com algumas ligeiras modificações? Seria possível?


01.

Histórias de universos paralelos

 Relatos bizarros sobre viagens entre universos
Acredite ou não, tem havido alguns casos de indivíduos que afirmam pertencer a outro mundo, ou cujas origens de outra forma não poderia ser rastreada. Verdadeiro, falso, eu não sei.
Considere estas duas histórias:


1. Lerina García, que acordou um dia em um mundo - o nosso mundo - que não era o dela.

De acordo com a história, conforme seu dia avançava, ela continuou a observar "pequenas incongruências," pequenas coisas que estavam apenas fora. Mas haviam coisas grandes, também:
"Então eu fui trabalhar no meu carro, que estava estacionado onde eu sempre estaciono, e fui ao mesmo escritório em que eu tinha trabalhado pelos últimos 20 anos. Mas quando eu cheguei ao meu departamento, não era o meu departamento. Haviam nomes na porta e meu não estava nele. Eu pensei que estava no andar errado, mas não, era o meu próprio andar. Fui até o térreo do escritório e procurei saber sobre mim. Eu ainda trabalhava lá, mas em outro departamento, reportando a um superior que eu nem conhecia." Leia o caso completo clicando aqui.

2. Um homem estranho que chegou a Tóquio em 1954, com um passaporte de um país que não existia, chamado Taured. Funcionários aduaneiros japoneses detiveram o homem, mas o seu passaporte não era falso: tinha os selos próprios, foi emitido pelo país de Taured, e ainda incluiu selos japoneses de uma visita anterior. O homem jurou que Taured era um país europeu que já existia há 1.000 anos, e ele também mostrou outros detalhes, tais como extratos bancários, com o nome do país dele.

Depois de várias horas, os funcionários aduaneiros eventualmente colocaram o homem em um hotel, com segurança nas proximidades para garantir que ele não deixasse seu quarto, enquanto eles conferiram as coisas.
Na manhã seguinte, ele havia desaparecido. Nenhum vestígio. A caçada seguiu, mas não havia nenhum sinal dele; ele simplesmente havia desaparecido. Leia o caso completo clicando aqui.

Obviamente, a veracidade dessas duas histórias não pode ser confirmada, pelo menos que eu saiba. Mas o trabalho do zona 33 é trazer as informações, imparcialmente. A interpretação fica a cabo do leitor. Se você se interessou pelos relatos, pode conferir também: 8 relatos de viagens à universos paralelos.


Então, existem universos paralelos?As "pistas" acima são apenas algumas possibilidades que eu acho intrigantes, não que elas realmente sejam uma verdade absoluta, mas são reais possibilidades. O universo é um lugar estranho.